Múcio Sá & Francesco Valente no África Move

Múcio Sá e Francesco Valente estarão connosco para mais um serão de África Move no Largo de São Vicente.

Nascido no Brasil (Bahia) Múcio é um músico/instrumentista, que manuseia instrumentos como Mandolim, Ukelele, banjo, baixo, guitarra portuguesa.

Francesco Valente, de conjuntos como os Terrakota ou Orquestra Todos, é também um multi-instrumentista, embora frequentemente o ouçamos e vejamos mais ligado ao contrabaixo.

Mural Sonoro

Mural Sonoro

Música em contexto urbano diversa - Portugal, África Portuguesa, Países de expressão portuguesa.

Um projecto de Soraia Simões, que nasceu em 1976 na cidade de Coimbra.

É uma apaixonada pela música e pelas expressões culturais de vários ‘povos’ do mundo. Incide o seu estudo e trabalhos na cultura popular e nas práticas musicais de países de expressão portuguesa, especialmente, a partir do Sec XX.

Embora o seu trabalho, no terreno, se debruçe nos agentes culturais e musicais vindos de outros pontos do mundo, migrados em Portugal, tem o objectivo de conhecer toda a África portuguesa, e as suas paisagens sonoras a fundo, e tem um gosto especial por Cabo Verde onde tem família.

Pós graduada em Estudos de Música Popular pelo Departamento de Ciências Musicais, na Universidade Nova de Lisboa no ano de 2012, trabalhou em vários órgãos e edições (locais e sites específicos) com trabalhos de autora na área musical diversos.

Ainda na cidade de Coimbra, esteve dois anos em Antropologia, em Ciências de Informação entre os anos de 1999 e 2002 e passou pelo Curso Superior de Medicina Chinesa de Pedro Choy.

Envolveu-se ao longo dos últimos três anos em workshops (onde foi assistente) diversos: 'Musicoterapia', 'Música e Som, 'Música com o Corpo' .
Deu aulas na ESTAL (Escola Superior de Tecnologias e Artes de Lisboa) no segundo semestre - de 2008 a 2010 - e no Instituto Galeno (no mesmo período). Ao longo do seu percurso foi convidada pontualmente para fazer opinião de discos nacionais e contextualização teórica.

É autora de um programa de cariz documental para televisão sobre música popular em contexto diaspórico e migratório, e de um espaço na internet com a mesma génese, de nome Mural Sonoro. 'Passado-Presente, Uma Viagem ao Universo de Paulo de Carvalho' reflecte algumas das suas preocupações e problemáticas no contexto da prática musical popular de matriz urbana. A multiculturalidade - um dos aspectos mais abordados no seu trabalho - diz "patenteia-se em toda a actividade profissional do músico Paulo de Carvalho". Este seu trabalho parte de um ciclo de conversas durante quase um ano com o músico e sairá em Setembro/Outubro com o selo da Chiado Editora.

 

http://muralsonoro.tumblr.com/

Múcio Sá

Múcio Sá

Múcio Sá nasceu na Bahia, mas mudou-se para Portugal em 1991. Toca guitarra acústica e eléctrica, mandolin, ukelele, banjo, baixo e teclado. Inala, inspira, expira e reflecte música. Vê-lo tocar é uma delícia. Uma respeitosa brincadeira com a música onde reina a leveza da falta de pretensiosismo e artefactos exagerados.

Página Oficial

Francesco Valente

Francesco Valente

Francesco Valente, natural de Itália, vive em Lisboa há 15 anos. Licenciado em Letras na Universita degli studi di Milano, e Musica na Escola Superior de Música de Lisboa -Variante Jazz. Está actualmente a completar o título de mestre, frequentando o Master de Etnomusicologia na Universidade Nova de Lisboa, tendo como orientadores de dissertação Salwa Castelo Branco e Carlos Sandroni, dois etnomusicólogos de renome internacional.

Estudou com Afonso Pais, Massimo Cavalli, Nelson Cascais, Bernardo Moreira, João Moreira, Pedro Moreira, André Fernandes. Frequentou Workshop’s com David Binney, Carlos Bica, Carlos Barretto etc. Toca contrabaixo e baixo eléctrico em projectos como Terrakota, Tora Tora Big Band, Orquestra Todos, Anonima Nuvolari etc. Tocou e toca em numerosos festivais nacionais e internacionais, no contexto da World Music, Pop e Jazz.

Conta com numerosas colaborações e gravações de discos (Mike Mainieri, Mário Tronco, Orchestra di Piazza Vittorio, Raimundo Amador, Né Ladeiras, Cool Hipnoise, Kumpania Al-Gazarra, Groove Quartet, André Cabaço, Fogo di Mar, Loopless, Ponto de Equilíbrio, Mahesh Vinayakram, Kutla Khan etc.), e está envolvido em varias formações de Jazz, entre as quais Ricardo Pinto Quinteto, Chibanga Groove, e o MoFrancesco Quintetto, onde actua na qualidade de líder.

http://www.myspace.com/mofrancesco

18 de Julho
22h00
Largo de São Vicente
Évora